Rebatendo Jornalistas 1 - Reinaldo Azevedo

Combatendo mentiras.
Publicado em 24/04/2018Última atualização em 26/04/2018 às 21:19:56

Está na hora de começar a rebater as notícias falsas. Se ficarmos parados, deixando que os jornalistas falem mentiras, serão estas mentiras que prevalecerão.

Estas notícias falsas são espalhadas, basicamente, por 2 tipos de jornalistas. Existem os jornalistas que não acompanham o cotidiano do Bolsonaro, e, com isso, acabam propagando notícias falsas baseadas no esteriótipo que foi construído, negativamente, sobre o deputado. E existem aqueles jornalistas que transmitem a informação falsa, sabendo que é falsa, com intenção explícita de prejudicar o pré-candidato.

Reinaldo Azevedo é um jornalista muito inteligente. Ele sempre repete conhecer muito o "Direito" e gosta de dar suas aulas sobre a legislação durante seu programa. É difícil imaginar que este senhor não conheça a diferença entre Porte de arma e Posse de arma.

Não sei se deliberadamente, ou por falta de informação, ele tenta transmitir para população que Bolsonaro quer que todos tenham porte de arma. Como se Bolsonaro, em algum momento da vida, tivesse defendido a liberação de PORTE de arma pra todos.

Reinaldo diz: "Não é uma opinião mas uma evidência científica. Sim evidência científica, que uma maior circulação de armas leva a um maior número de eventos com arma. Ou seja, vai morrer mais gente!"

Primeiro ponto: É uma tremenda MENTIRA. Não existe outra palavra. È uma MENTIRA que Bolsonaro tenha defendido, em algum momento, a liberação do PORTE de arma para todo mundo. Bolsonaro defende a possibilidade que as famílias tenham a POSSE de arma em suas residências e determinadas categorias profissionais, por consequência da sua atividade, tenham porte de arma.

POSSE de arma, não aumenta a circulação de armas. A não ser que você carregue sua casa nas costas pela rua.

Segundo ponto: Falar que seu ponto de vista pessoal é uma evidência científica. Nesse ponto existe a figura do apelo a autoridade e o espantalho ao mesmo tempo. Ele usa como espantalho a própria frase que ele criou e atribuiu a Bolsonaro, ao dizer que Bolsonaro defende a liberação do porte de armas. Bolsonaro nunca disse isso. Na sequência, ele usa a expressão "evidência científica" para conferir mais credibilidade ao que ele falará. O problema é que a tal "evidência científica", seja lá comprovada por quem, está sendo mencionada para rebater um argumento criado pelo próprio Azevedo. Que é a liberação do porte de arma pra todos. Ideia que nunca foi defendida por alguém.

Se ele entrasse no assunto correto, que seria a possibilidade de um indivíduo ter a POSSE de uma arma em sua residência para proteger sua família, aí sim, eu queria ver ele citar qualquer "evidência científica" que demonstrasse que posse de arma em residência aumenta criminalidade. Gostaria muito! O problema é que essa evidência científica não existe. E é essa a proposta do Bolsonaro.

É muito fácil rebater uma proposta idiota que não foi feita por pessoa alguma e atribuir esta proposta ao Bolsonaro, enganando os ouvintes.

Recomendo que assista ao vídeo para maiores detalhes.

Talvez seja de seu interesse
9,39 ms